Loading...

Florença, capital da Toscana

Ahh, a Toscana!

Cheguei na cidade e fui direto para a Piazzale Michelangelo, a praça mais alta da cidade de onde se tem a vista panorâmica mais bonita de Florença. A praça conta com um grande estacionamento no topo e a vista para os principais pontos turísticos da cidade.

Curiosamente a única escultura de Michelangelo do local é uma réplica do David de Michelangelo e o prédio que deveria ser dedicado ao museu do artista, virou um restaurante.

A música ao vivo e o entardecer deram ainda mais charme ao local.

A segunda parada foi na Igreja de San Miniato al Monte, que transpira misticismo, por trazer detalhes renascentistas originais e detalhes do zodíaco, combinando símbolos pagãos e cristãos em um único espaço. Além disso, o local ainda conta com um cemitério onde se encontram enterradas personalidades como Carlo Collodi, o autor de Pinocchio.

De lá, parti para o centro da cidade e acabei estacionando o carro em uma rua perto da Ponte Vecchio, um dos principais símbolos de Florença, inaugurada em 1345. Cruzá-la a pé é um clássico (e muito tumultuada). Em sua fundação, as casas eram ocupadas por açougueiros e foram substituídas por joalherias, que funcionam até hoje, reluzindo ouro em suas fachadas.

Fui caminhando até a Piazza de La Signoria, centro do poder político de Florença. É alí que fica o Palazzo Vecchio, a torre mais alta de Florença, sede da prefeitura e mais uma réplica do David de Michelângelo. Ao lado da torre fica a Loggia dei Lanzi, um edifício aberto que reúne mais uma série de esculturas magníficas como o Perseu segurando a cabeça da Medusa, de Cellini e o Rapto das Sabinas, uma estátua de Giambologna.

Parti para a Piazza della Repubblica, uma das principais praças da cidade e que demarca o centro de Florença desde os tempos medievais. É nela que está o carrossel famoso e várias lojinhas de souvenirs.

A última parada foi na Catedral de Santa Maria Del Fiore, mais conhecida como Duomo de Florença, uma das coisas mais lindas e impressionantes que eu já vi: parece que foi pintada a mão. Os detalhes de mármore colorido da fachada impressionam!

Passei pela Galleria Uffizi, um dos museus de maior prestígio de toda Itália, mas não tive tempo hábil para entrar. Vai ficar para a próxima.

Lembrando que essa é uma parada imperdível para quem curte arte ou se interessa por história da arte. A Uffizi tem coletânea espetacular de arte italiana que vai do início dos séculos até o Renascimento.

Florença é uma cidade que respira arte e cultura em cada esquina. Essa foi uma daquelas viagens que me deixou com gostinho de quero mais. Gostinho de explorar o lado artístico da cidade. Voltarei!

A decoração natalina trouxe um charme extra às ruas de Florença.

Axé!

Talvez você goste

Sem Comentários

Deixe sua mensagem